O Instituto de Psiconsciência teve por iniciativa, face aos alarmantes dados de comprometimento da saúde mental, a nível mundial, o lançamento do canal digital – TVPSI – de comunicação, informação bem como promoção do bem estar, do autoconhecimento, de reflexões existenciais, com o objetivo de contribuir nos termos das ecomendações da OMS, em seu “Relatório Mundial da Saúde – Saúde Mental: uma nova concepção, nova esperança”.

Temos, ainda, por objetivo promover a divulgação de conhecimentos a respeito não só do adoecimento físico, mental e psíquico-emocional, como também proporcionar maior esclarecimento ao público em geral, no âmbito da atenção primária à saúde, se encontrando na categoria das políticas e programas sustentáveis de prevenção e educação comunitária.

Para tanto, nós contamos com uma equipe de profissionais engajados nesse objetivo comum de modo a levar às pessoas, em uma linguagem acessível, informações de estudos científicos e caminhos de acesso a uma vida com mais integração individual, familiar, socioambiental.

Acesse: https://institutopsi.org/


A Ordem dos Psicólogos Portugueses cria condições para manutenção do serviço aos membros à distância. A OPP tem permitido disponibilizar contributos da ciência psicológica no que diz respeito à informação e suporte a comunicação, bem como apoio específico a organizações no desenvolvimento de iniciativas para este momento de crise em que vivemos.

Acesse: https://www.ordemdospsicologos.pt/pt/covid19


O Conselho Federal de Psicologia estabelece resolução regulamentando os serviços psicológicos prestados por meios de tecnologias da informação e comunicação durante o período pandêmico do COVID-19.

Acesse: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-n-4-de-26-de-marco-de-2020-250189333


A Fundação Oswaldo Crus, FIOCRUZ/Brazil elaborou o manual Saúde Mental e Atenção Psicossocial na Pandemia de Covid-19 em que estabelece algumas recomendações gerais: 

Segundo a FIOCRUZ, “estima-se, que entre um terço e metade da população exposta a uma epidemia pode vir a sofrer alguma manifestação psicopatológica, caso não seja feita nenhuma intervenção de cuidado específico para as reações e sintomas manifestados”.

Devido a necessidade do isolamento, na pandemia da Covid-19, houve um impacto no estado emocional e psicológico das pessoas. A FIOCRUZ desperta para as o estado com reações mais frequentes como: o medo de adoecer e morrer; perder as pessoas que amamos; perder os meios de subsistência, não poder trabalhar ou ser demitido; não receber um suporte financeiro; de sentir-se impotente perante os acontecimentos; irritabilidade; angústia; intensificação dos sentimentos de desamparo, tédio, solidão e tristeza.

O manual propõe ademais estratégias de cuidado psíquico em situações de pandemia, dentre elas:

Entre os efeitos mais recorrentes estão:

Entre os transtornos psíquicos imediatos, os mais frequentes são os episódios depressivos e as reações de estresse agudo de tipo transitório.

E efeitos tardios mais recorrentes:

Acesse: https://portal.fiocruz.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *